Retorno financeiro de franquia: quanto tempo leva para recuperar o seu investimento

Também conhecido pela expressão “payback”, o prazo de retorno financeiro de uma franquia sempre dependerá de circunstâncias variáveis e, por isso, cada segmento e tipo de negócio terão um prazo a ser passado pela franqueadora.

As redes de franquias precisam dar uma estimativa de tempo para que você receba o retorno do seu investimento inicial e sua franquia comece a gerar lucros. Esse prazo é baseado em fatores como o histórico de resultados, expectativa de vendas, faturamento e lucro líquido, know-how da empresa, estudo da localidade e tipo de negócio.

Mas, é importante ressaltar que o que mais interfere no retorno financeiro de franquia é o empenho e a dedicação do franqueado. Não basta a franqueadora dar todas as ferramentas a ele, se o dono da franquia não se esforçar verdadeiramente para fazer o negócio prosperar.

Esse é, inclusive, um dos grandes equívocos de muitos que consideram o modelo de franquias: achar que, por estar utilizando o nome e a imagem de uma marca conhecida, não precisa estar presente ou se envolver na rotina da loja. Nesse quesito, não há tanta diferença para quem inicia um empreendimento próprio. Em ambos os casos, deve-se ter comprometimento com o negócio desde o princípio.

Em uma rede de franquias, o franqueado recebe um plano de negócios bem estruturado e um planejamento estratégico que contempla os métodos que comprovadamente funcionam para a empresa e para o mercado em que ela está inserida, sem deixar de considerar as características únicas de cada empreendedor e empreendimento.

A rede auxilia o franqueado a seguir o plano de negócios com apoio constante na gestão comercial, estratégica e operacional da loja. Além do suporte, outra vantagem em optar por uma franquia é poder conversar com os representantes da rede e com outros franqueados, possibilitando uma perspectiva mais realista sobre o dia a dia da loja e do retorno do investimento.

Não devemos esquecer que as franquias são representantes da marca. Para que a franqueadora se mantenha fortalecida no mercado, ela tem tanto interesse no sucesso do empreendimento quanto o franqueado, afinal, é o nome e a imagem dela que estão em jogo.

Por isso, o papel da rede de franquias é manter um relacionamento próximo com os franqueados, para garantir o bom andamento da operação, de acordo com os padrões de qualidade e de atendimento da rede. Dessa forma, é mais provável que o negócio tenha êxito e que o retorno financeiro esteja dentro do estipulado pela empresa franqueadora.

De modo geral, a Associação Brasileira de Franchising (ABF) afirma que 61% das franquias estabelecidas no país têm o retorno financeiro do investimento inicial em até 36 meses. Contudo, esse período irá variar entre os tipos e segmentos de franquias diferentes, já que cada mercado conta com as suas especificidades.

A boa notícia é que existem redes de franquia com o prazo de retorno ainda menor, como é o caso da Franquia Empresta, cujo payback ocorre, em média, em apenas 18 meses e há franqueados que recuperaram o investimento com menos tempo de operação.

É comum ter muitas dúvidas sobre um novo investimento, mas as empresas costumam esclarecer todas as informações pertinentes ao negócio durante as negociações, para que as expectativas estejam alinhadas dos dois lados. Aproveite esse momento para entender todos os riscos e fatores a serem considerados na avaliação dos resultados adquiridos com a franquia em médio e longo prazo.